Comer para Prosperar

Os óleos essenciais terapêuticos são uma fusão de todos os óleos aromático contidos numa planta, mas não é recomenda o consumo de óleos essenciais. Colocar óleos essenciais na boca é potencial­mente perigoso, pois alguns contêm toxinas; mas a principal razão para não ingerir óleos é porque são muito mais eficazes se utilizados topicamente, sobre na pele.

Qualquer óleo na boca está à mercê de Lipase, a enzima que existe para decompor o óleo antes da digestão. Quando comemos, digamos, uma cenoura crua, nem todo o óleo é extraído na boca e algum óleo irá conseguir passar pelo tracto digestivo. É por isso que temos Lipase no cólon (do duodeno) a fim de extrair o que restante de valor alimentar.

À medida que alguns desses óleos passam pelo sistema, patógenos de
frequência ressonante correspond­ente são eliminados. Resumindo, alimentos ingeridos são muito menos propensos a serem mastigados suficientemente para extrair todo o óleo, enquanto esse óleo essencial está disponível para a reação lipase.

Saiba o que está a comer

O mel é dependente das plantas e das abelhas que recolhem o seu néctar. Esta é a razão pela qual os herbalistas recomendam comer mel local para pessoas que sofrem alergias. Muitas plantas contêm óleos essenciais que têm uma frequência ressonante equivalente aos fungos, uma vez que são o tipo de agente patogénico mais ameaçador para todas as plantas. Por isso, o mel também contém essas frequências

As bactérias comuns estão a seguir na lista de importância e as plantas que apresentam uma maior proteção e longevidade contra as bactérias, também incluem agentes anti-virais.

As páginas seguintes contêm gráficos dos legumes e frutas mais comuns e os seus agentes patogén­icos equivalentes. Isto é para demonstrar, simplesmente, que uma dieta variada nos poderá proteger de muitos agentes patogénicos diferentes.

Consulte também a lista de referência de legumes.

Escolher a terapia do óleo essencial como remédio eficaz para praticamente todas as doenças (excepto as poucas doenças verdadeiramente genéticas).
 Copyright © 2021, John Millward   São necessários Javascript e cookies  Os navegadores web não são todos iguais.   ??≈TL